Ferramentas OGR: importação de um Shapefile para o banco de dados PostgreSQL

0

Por mais atrativas que sejam, as instruções que inserimos através da interface gráfica jamais vão superar o trabalho executado pela linha de comando. Certa vez um amigo me convidou para praticar mais sobre a “tela escura”, como muitos costumam se referir à linha de comando. Preciso de prática para manejar bem a telinha black.

Importação de Shapefile para o PostgreSQL

Esta é uma dica formulada para ajudar as pessoas com dificuldades para importar dados vetoriais do tipo Shapefile para o banco de dados PostgreSQL. Siga atentamente as dicas desta postagem e amplie sua experiência com a linha de comando através da biblioteca OGR.

Sobre a Biblioteca GDAL/OGR

GDAL/OGR são bibliotecas de código aberto responsáveis pela tradução de formatos vetorial e raster. Enquanto a biblioteca GDAL suporta o processamento de arquivos raster, há inúmeros formatos vetoriais que podem ser processados pelos comandos OGR.

  • Exemplos de formatos raster: TIF, PNG, JPG, ECW, IMG, etc.
  • Exemplos de formato de vetor: SHP, DGN, KML, TAB, GML, etc.

ESRI Shapefile é o formato de vetor padrão para a saída de processos OGR. Para gerar dados vetoriais em outros formatos, o usuário deve utilizar o parâmetro -f seguido do drive de saída (Exemplo: -f KML). 

DEIXE UMA RESPOSTA