Comando GDAL para compactação de Raster em JPG Alta Qualidade

2

Cansado de lidar com arquivos pesados? Neste vídeo, você vai aprender a trabalhar com arquivos TIF modificados pela compressão JPG com taxa de compactação de 75%, ou seja, uma imperceptível perda de qualidade.

Esta dica é muito útil para os projetos que demandam o compartilhamento de um raster via Internet, por exemplo.

Copie ou faça o download do comando GDAL: http://bit.ly/2zw4Heq

for %i in (*.tif) do gdal_translate -of GTiff -co COMPRESS=JPEG -co PHOTOMETRIC=YCBCR -co TILED=YES %i %~ni_ok.tif

Neste teste, conseguimos reduzir o tamanho físico de um raster de 750 MB para 11 MB.


Tutorial em Vídeo no Youtube

Link para assistir o vídeo no Youtube: https://youtu.be/FFNGR-1i1Hc


Após assistir ao vídeo, inscreva-se no nosso canal no Youtube:
https://www.youtube.com/c/ProcessamentoDigitalGeo

Fique por dentro das novidades do site através da nossa Newsletter:
http://www.processamentodigital.com.br/assinatura

Curta nossa página no Facebook:
http://www.facebook.com/ProcessamentoDigital

Siga nossa página no LinkedIn. Vamos divulgar muitas novidades nessa rede:
http://www.linkedin.com/company/processamento-digital


Dúvidas e sugestões podem ser enviadas para o e-mail contato@processamentodigital.com.br

2 Comentários

  1. Bom dia, Jorge.

    Gosto muito do seu trabalho e venho acompanhando as dicas. Tenho uma dúvida:

    Fiz todo este procedimento com um arquivo “.tif”, ele diminuiu o tamanho do arquivo consideravelmente, tudo certo, porém, ele deixou de ser um arquivo georreferenciado. Até porque é o georreferenciamento da imagem que proporciona o peso do arquivo. Gostaria de saber se há algum outro recurso que eu possa diminuir o tamanho do arquivo mas manter o seu georreferenciamento.

    Obrigado.

    • Isso só deve acontecer se o seu arquivo não possui informação espacial interna. Arquivos com referência externa são conhecidos pela sua extensão TFW, JGW, PGW, etc. É o seu caso?

      Se for assim, você deve executar um processo (reprojeção, por exemplo) para gravar a informação de posicionamento no header da Imagem.

      Cordialmente,
      Jorge Santos

DEIXE UMA RESPOSTA